Respiração correta reduz ansiedade, pressão alta e diabetes; aprenda a fazer

Respirar corretamente, com o diafragma, uma das bases da meditação e da yoga, melhora a qualidade de vida e reduz a ansiedade, pressão arterial, depressão e diabetes. Este foi o resultado de uma pesquisa realizada pelo geriatra Fernando Bignardi, da Unifesp (Universidade Federal Paulista), com 140 idosos que praticaram meditação em 2 períodos diários de no mínimo de 20 minutos cada. Aprenda a seguir como fazer.

1. O primeiro passo, como um facilitador para atingir níveis mais elevados da mente, é um exercício preparatório para relaxar, de Jin Shin Jyutsu. Sente-se com a coluna perpendicular ao chão, em uma cadeira (sem encostar), banco ou no chão de pernas cruzadas.

2. Então, coloque as duas mãos sob os ossos das nádegas, os ísquios.

3. Com as duas palmas das mãos voltadas para os glúteos, sob os ísquios, respire normalmente até sentir a pulsação em suas mãos. Dependendo de seu nível de estresse e concentração, isso pode demorar mais ou menos tempo para acontecer.

4. Quando sentir a pulsação, que mostra a circulação correta pelo corpo, retire as mãos e posicione-as sobre as pernas. Agora, você terá consciência de que colocou os ísquios sobre a cadeira, terá uma sensação de apoio diferente. Esta é a preparação para a respiração.

5. A respiração parece simples, mas necessita de treino. Coloque uma mão com o polegar no umbigo e os demais dedos abaixo e a outra mão com um dedo na frente do rosto. Imagine uma flor no seu dedo e então cheire-a, ou seja, inspire. Ao mesmo tempo você deve encher a barriga e não mexer o tórax, como estamos acostumados.

6. Para expirar, ou seja, soprar o ar dos pulmões, imagine uma vela no dedo e sopre-a, ao mesmo tempo que murcha o máximo possível a barriga. Aqui, toda a sua concentração deve estar na respiração e em sua sensação corporal. Treine até este procedimento ser executado facilmente em sequência.

7. Assim, após a preparação, esvazie totalmente os pulmões e comece a inspirar, ou puxar o ar enchendo a barriga sem mexer o tórax. A respiração é feita em quatro tempos. Primeiro inspire e faça uma pausa cheia.

8. Depois, sopre esvaziando os pulmões e murchando a barriga. Aqui, o tempo de expirar deve ser o dobro da inspiração. Controle a saída do ar para ser lenta. Faça uma pausa com o pulmão vazio. Segundo Bignardi, esta respiração é incompatível com a ansiedade e, por isso, acalma.

9. O indicado é fazer 5 respirações completas ao acordar, com as pausas. Se perder a concentração no meio, volte do início. Depois, faça mais mais 5 respirações completas no final do dia. Pode ser no trabalho, no ônibus, onde estiver para acalmar e se livrar do estresse do dia. Por fim, faça a respiração à noite, deitado na cama.

10. Comece inspirando, estufando a barriga, pause, expire, esvazie o pulmão e murche a barriga e “entregue seu peso” para a cama. Primeiro a cabeça, depois repita a repetição inteira e vá soltando também braços, ombros, costas, pelve, coxas, pernas e pés. Você irá sentir os pontos de apoio no colchão.

A pesquisa pode comprovar que a ação da dimensão supramental age até o físico. Segundo o médico, o envolvimento das funções do lado direito do cérebro (alcançado pela meditação e outras técnicas contemplativas) é uma etapa fundamental do resgate da saúde e bem-estar. A prática da meditação como uma metodologia científica ativa a parte cerebral não racional e fez com que os idosos apresentassem mudanças em três meses da atitude mental, melhorassem a postura física, o sono reparador e ainda passaram a adotar hábitos alimentares mais saudáveis, reduzindo assim a resposta ao estresse e promovendo melhora das doenças.

http://noticias.uol.com.br

log_pir_47

.

 Gostou? Então Curta nossa página no Facebook.

eu_47 Seja amigo do autor do site no Facebook, e esteja sempre antenado em assuntos interessantes como este.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: