Fazendas urbanas são enclaves rurais no centro de Londres

25 de julho, 2012 ]

Eric Brücher Camara

A algumas dezenas de metros do rio Tâmisa, cavalos, vacas, galinhas e outros animais pastam tranquilamente – uma visão bucólica que contrasta com os arranha-céus vizinhos do centro financeiro de Londres.

Poderia ser ideia de algum artista, mas não se trata de uma instalação e sim de um conceito que neste ano completa 40 anos: as fazendas urbanas britânicas.

A primeira delas foi aberta no bairro de Kentish Town, no norte de Londres, em 1972, e serviu de inspiração a várias outras. Hoje, são 14 na região metropolitana da capital.

Em uma cidade em que falta de espaço é um problema recorrente, é surpreendente ver os amplos espaços verdes que abrigam as fazendinhas em áreas hipervalorizadas.

Normalmente, elas abrem diariamente e dependem do trabalho voluntário de moradores locais, que ajudam na manutenção e na fabricação de leite, queijo, ovos, mel e outros produtos.

Muitas das fazendas urbanas britânicas, como a de Surrey Docks, vendem ao público os produtos fabricados no local, desde manteiga, queijo e leite de cabras e vacas, até frutas, verduras e ervas.

As administrações regionais também costumam dar apoio financeiro às fazendas, que oferecem a rara possibilidade de interação direta com animais dentro da cidade.

Essa atração leva milhares de visitantes às fazendas urbanas todos os anos. Em Londres, o passeio é um dos programas prediletos de milhares de casais com filhos pequenos.

Na fazenda urbana de Surrey Docks, em Londres, grupos de alunos de escolas locais podem participar de sessões de produção de queijo e manteiga e assistir à ordenha de vacas e cabras.

Entre os objetivos das fazendas urbanas, está a conscientização de populações de cidades sobre atividades agrícolas, de forma a esclarecer a relação entre alimentos e animais e plantas.

Em 1980, o movimento de fazendas urbanas britânico ganhou um forte impulso com a fundação da Federação Nacional das Fazendas Urbanas. Hoje, a Grã-Bretanha conta com mais de 60 delas em várias cidades.

Entre os animais criados nas fazendas urbanas estão cabras, vacas, ovelhas, gansos, patos, galinhas, cavalos, jumentos, perus e porcos. Para muitas crianças, é uma oportunidade única de tocá-los.

Em algumas fazendas urbanas, como na Mudchute Farm, no sudeste de Londres, bem próxima do coração financeiro da capital britânica é possível também montar cavalos.

Fonte: http://www.bbc.co.uk

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s